Anúncios

Viajar pelo Marrocos é uma das experiências mais extraordinárias que alguém pode ter em sua vida.. Passar alguns dias percorrendo este país incrível  no norte da África pode ser uma experiência extraordinária  e os turistas que se aventurarem por lá podem ficar muito surpresos com tantas belezas naturais e  a riqueza cultural de um destino que está cada vez mais no foco dos brasileiros. 

 

Se você está pensando em viajar para o Marrocos e precisa de conselhos práticos sobre como organizar seu itinerário, você veio ao lugar certo. Neste post, vamos  contar tudo o que você precisa saber para ter uma excelente experiência de viagem para esse belo país africano. 

Passagens aéreas relâmpago da LATAM só hoje.
Acessar agora➝
Promoções Relâmpago para todo o Brasil.
a partir de 129,90➝
Passagens aéreas em promoção voe gol a partir de 99,90.
Ver disponibilidade➝

Qual  a melhor época para viajar para o Marrocos?

 

Você pode organizar uma viagem ao Marrocos durante todo o ano, mas a melhor época para visitar o país é de novembro a abril (outono, inverno e primavera), o verão (junho a setembro) pode ser muito quente, especialmente ao visitar certas regiões. 

 

No Saara Ocidental, a alta temporada é em dezembro e janeiro quando faz frio e geralmente não chove, o ruim é que os preços sobem e o número de turistas aumenta.Os meses de abril, maio e outubro são boas opções para quem é flexível e gosta de viajar no meio da temporada, com melhores custos, menos gente e clima mais temperado.

 

Viajar para o Marrocos por conta própria ou com agência de viagens? 

 

Ao começar a organizar  a viagem ao Marrocos, procurei algumas agências de viagens. Obviamente pode parecer mais fácil tentar fechar um pacote, já que as grandes agências do Brasil oferecem pacotes all inclusive (com tudo incluso)  para o Marrocos. Sendo uma excelente opção para aqueles que gostam de viajar sem se preocupar com muitos detalhes.

 

Que língua se fala no Marrocos? 

 

Muitas pessoas pensam que a língua oficial do Marrocos é o francês, o que está errado. As línguas oficiais do país são o árabe falado por todos e as línguas tamazight ou berbere faladas principalmente no interior de Marrocos, que estava sob o  protetorado francês em entre 1912 e 1956.

 

A língua francesa continua a ser difundida no país,  falada por parte da população e sempre presente em placas de trânsito, anúncios, comerciais de TV, em lojas, ementas, etc.

Onde se hospedar no Marrocos 

 

Muitos turistas preferem se hospedar em riads tradicionais, um tipo de hotel localizado em palacetes geralmente construídos  dentro das medinas, no centro histórico das cidades que já foram residência de  famílias abastadas e estão se transformando em turismo. Kasbah, por outro lado, são as antigas residências fortificadas das aldeias berberes, das mais simples às mais luxuosas.

 

Essas opções de hospedagem deixam a viagem mais autêntica e dão uma charme maior a toda a  experiência, proporcionando maior contato com a cultura através para aqueles que além de se hospedarem em belos locais saboreiam a cozinha típica, o delicioso café da manhã tradicional  e desfrutam da arquitetura e decoração  marroquina.

 

Outra questão importante é onde ficar, dentro ou fora da medina? As  principais mesquitas onde vivem muitos marroquinos. Quem opta por ficar nas medinas costuma tentar conhecer de perto as tradições marroquinas, mas é preciso estar preparado para caminhar bastante, pois os carros não entram na medina de Fez e em Marrakech apenas até alguns pontos. 

 

Tenha em mente que em algum momento você vai se perder nos becos e vielas e que  os cheiros e sons nem sempre serão os mais agradáveis, que pode ser perigoso caminhar em alguns locais depois de um certo ponto noite.

 

Aliás, é preciso estar ciente também que Supermercados, bancos e tudo relacionado ao mundo ocidental está fora das medicinas. Outro ponto importante é o respeito  aos costumes, tradições e normas do Islã dentro dos muros da medina. 

 

Já nas proximidades você pode encontrar redes internacionais, restaurantes de fast food, shopping centers, locadoras de veículos bem como fácil acesso a transportes públicos, táxis, estações de autocarros e comboios, bancos e outras facilidades.

 

A culinária marroquina

 

Aqueles que estão programando uma viagem para terras marroquinas devem se preparar para provar uma culinária simples, mas com sabores marcantes. 

 

Você deve saber que a cozinha marroquina basicamente se resume a tajine e cuscuz. O tajine é um delicioso ensopado de carne, frango ou ovelha que é cozido sobre as brasas em uma tigela de barro com tampa cônica, sempre acompanhado de pão. Esse prato é sempre servido às sextas-feiras ou feriados, mas é servido também todos os dias em restaurantes turísticos.

 

O cuscuz marroquino, por outro lado, é feito de sêmola de trigo misturada com nozes, carne e legumes. Em Marrocos é tradicionalmente comido com as mãos, mas os talheres estão disponíveis em restaurantes turísticos. 

 

Mas nem só de tajine e cuscuz sobrevive o turista no marrocos. O café da manhã marroquino, por exemplo,  é simples mas saboroso e é composto por panquecas, pão, queijo, azeite, café e chá de menta. Nas feiras e medinas encontrará muitas frutas, doces e poderá experimentar comida de rua, mas primeiro certifique-se das condições de higiene.

Tajine de frango e limão

 

Respeite os costumes

 

No Marrocos, como em qualquer país islâmico, os costumes estão ligados à religião e respeitados pela população, sendo o país islâmico mais liberal do mundo é comum ver mulheres marroquinas com  cabelos nus, principalmente nas grandes cidades, mas a maioria usa o véu.

 

Nas medinas, a roupa usada tanto por homens como por mulheres é mais tradicional, com o uso da djellaba, uma peça larga e comprida que pode ser usada por ambos os sexos e que se assemelha a um manto, que também pode ter um capuz pontudo que protege do sol e do frio.

 

Por respeito aos costumes locais, o turista deve abster-se de usar roupas  muito apertadas ao corpo, decotes,  shorts, saias curtas, camisetas e regatas, principalmente ao visitar as medinas.

 

Essas são algumas dicas para te ajudar a planejar a sua viagem ao Marrocos e assim aproveitar o seu tempo por lá da melhor maneira possível. 

 

Gostou do nosso texto sobre o Marrocos? Para mais novidades como essa, continue nos acompanhando. 

Saiba mais sobre isso 

You May Also Like

Tipos de agência de viagens e turismo?

Anúncios Conteúdo0.1 O que é e quais os tipos de agência de…

As melhores praias desertas para conhecer no Brasil

Anúncios O Brasil possui uma série de praias isoladas e desertas que…

Turismo em Canoa Quebrada pós-pandemia

Anúncios Canoa Quebrada é considerada como um dos destinos que é o…