Anúncios

Existem diversas pessoas que querem conhecer a Europa, mas não querem gastar muito, ou aquelas que já conhecem, mas estão em busca de destinos alternativos. O bem da verdade é que o continente europeu apresenta uma grande quantidade de destinos que precisam apresentar um bom planejamento, fazendo com que você visite lugares diferentes e ainda fazendo uma certa economia.

 

Dessa forma o melhor que se pode fazer é encontrar destinos alternativos, mas que mantenham todo o charme e mostrem a história da Europa, fazendo com que a sua viagem valha a pena. Obviamente, somado a isso é preciso que existam opções de hospedagens mais em conta e que apresente também vários passeios gratuitos.

Passagens aéreas relâmpago da LATAM só hoje.
Acessar agora➝
Promoções Relâmpago para todo o Brasil.
a partir de 129,90➝
Passagens aéreas em promoção voe gol a partir de 99,90.
Ver disponibilidade➝

 

Pensando nisso, vamos conhecer alguns locais diferentes dos tradicionais e que ainda podem trazer uma certa economia para o seu roteiro na Europa, vamos conferir!

 

Caliningrado – Rússia

 

Para começar com o nosso roteiro de locais alternativos, nada melhor do que trazer a terra do escritor Dostoiéviski. Caliningrado conta com uma arquitetura bastante colorida, grandes construções e paisagens das mais imponentes. A cidade apresenta toda característica russas, que é a sua marca registrada, fazendo com que todos os turistas que visitem a cidade fiquem absolutamente encantados. Assim, Caliningrado é um dos locais que valem a pena visitar, mesmo que não esteja dentro do roteiro tradicional do turismo.

A cidade se encontra me território russo – situado entre a Bielorrússia e Lituânia – a cidade se apresenta como uma daquelas surpresas agradáveis, principalmente para aquelas pessoas que desejam conhecer uma Rússia diferente do habitual. Dessa forma ao visitar Caliningrado não se esqueça de conhecer a sua Catedral Konigsberg – que foi construída pelos alemães que estavam na área antes da segunda guerra mundial – de forma que a arquitetura é uma mistura entre Rússia e Alemanha.

 

Ljubljana – Eslovênia

Anteriormente a Eslovenia fazia parte da Iugoslávia, sendo que esse país se tornou independente em 1992 e consegue ter inúmeras atrações que são simplesmente de tirar o folego. Como o país faz parte da União Europeia, o turista não precisa de visto, desde que fique no país menos de 90 dias ou que tenha um seguro de saúde.

Para aqueles que querem conhecer a cidade é bastante indicado visitar as suas construções históricas que guardam todo o charme europeu. Ljubljana, é a capital do país e foi construída no meio de uma cadeia de montanhas, fazendo com que a cidade tenha um ar de conto de fadas.

Contando com diversos prédios históricos, os quais estão absolutamente preservados, ainda conta com ruas decoradas de flores, fazendo com que a cidade mantenha um charme fascinante.

 

Riviera Albanesa – Albânia

Visitar a Albânia é como se entrasse numa máquina do tempo e fosse mandado para o passado, sendo que o país é inteiramente diferente de todo o resto da Europa. O país conta com lugares incríveis e que mantem o passado absolutamente vivo, fazendo com que seja possível observar uma cultura extremamente diferente. Isso acontece devido ao status de ser um país ainda “novato” no que diz respeito ao turismo, uma vez que apenas em 1991, e com o fim de um regime altamente autoritário, é que os turistas puderam conhecer suas regiões, apreciar suas belezas e explorar as suas mais diferentes cidades.

Muitas pessoas ainda não deram uma chance para a Albânia, de forma que os seus preços sejam bem mais baratos do que o resto da Europa e dessa forma uma boa pedida para visitar.

Pensando em conhecer a Albânia? Um destino que precisa estar em seu roteiro é passar o verão na Riviera Albanesa, que nada mais é do que um conjunto de praiais encantadoras e que são um verdadeiro convite para quem quer curtir o calor em grande estilo. É possível curtir as praias cor turquesa, onde você terá a impressão de já ter visto ela em algum filme, fazendo com que você fique cada vez mais apaixonado pelo país.

 

Plzen – República Tcheca

Um dos destinos europeus que vem crescendo cada dia mais no coração dos turistas que vão visitar a Europa é a República Tcheca. Por incrível que pareça, esse país ainda não está dentro do roteiro tradicional de visitas pela Europa e apresenta uma linda arquitetura que é daquelas antigas e bem preservada, já que o país sofreu poucos danos durante a segunda guerra mundial.

O país apresenta uma mistura bem grande de influencias, já que vários países anexaram a República Tcheca no passado, fazendo com que o viajante ao andar pelas suas mais diferentes regiões tenha a impressão de encontrar um pedaço de tudo que se tem pela Europa.

Uma vez que tenha decidido conhecer o país, não deixe de visitar a cidade de Plzen, que é considerada uma das maiores cidades do país e também é o lar da tradicionalíssima cerveja “pilsen”. Além disso, aproveite para conhecer o lado cultura da cidade, visitando a Catedral de São Bartolomeu e a Grande Sinagoga.

Outro programa que vale a pena ser feito em Plzen é conhecer as cervejarias locais, com uma passagem especial pela Pilsner Urquell, que é a mais famosa da cidade.

 

Budapeste – Hungria

A Hungria é o país que está localizado bem no coração da Europa e é um dos melhores destinos para auqueles turistas que querem visitar um lugar que apresente preços mais baixos, mas também uma arquitetura que seja digna de filmes de época. A Hungria é um país bastante subestimado, porém apresenta belas paisagens, lugares históricos, um povo acolhedor e um transporte público dos mais maravilhosos.

Se você decidir visitar o país, tenha em mente que Budapeste (capital) é a melhor cidade para começar a sua aventura. É através dela que o melhor da Hungria é revelado, já que a cidade é um verdadeiro museu a céu aberto, apresentando construções diferenciadas e museus maravilhosos. Pensando naquelas pessoas que gostam de um agito, fiquem sabendo que o verão é um prato cheio para quem quer curtir, pois é nesse período que diversos festivas de músicas acontecem na cidade.

Aqui foi possível observar alguns destinos alternativos, que por serem bastante diferentes do tradicional também conseguem entregar para o viajante uma economia, agora é só escolher o destino e partir.

Saiba mais sobre isso 

You May Also Like

Diferença de Hostel, Hotel e Airbnb?

Anúncios Na hora de um planejamento em sua viagem é muito comum…

Como economizar em viagens

Anúncios A economia ao viajar na alta temporada é definitivamente possível, desde…

Turismo em Cruzeiros Marítimos

Anúncios A temporada de Cruzeiros para os anos de 2019/2020 espera faturar…